Produtores se mobilizarão em Campo Grande contra demarcações


Produtores se mobilizarão em Campo Grande contra demarcações

O movimento “Demarca Não” acontece em frente ao JockeI Clube, às 9h em Campo Grande, na segunda-feira, 29.

Para participar do “Demarca Não” basta deixar o nome e alguns dados no Sindicato Rural de Amambai, com antecedência, ou ligar para o número (67) 3481-1093 e confirmar presença.

Aproveitando a estadia da presidenta Dilma Rousseff em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul,  para a entrega de 300 ônibus escolares,  adquiridos através do Programa Caminho Escola, a Federação de Agricultura e Pecuária do MS (Famasul) em parceria com os sindicato rurais do Estado,  realizará o movimento “Demarca Não”, com o intuito de levar, de uma forma pacífica , a real situação do povo sul mato-grossense, perante ao ato da Fundação Nacional do Índio (FUNAI).
O Sindicato Rural de Amambai, assim como as entidades de outros municípios, fretará ônibus para levar a população amambaiense até Campo Grande. A saída está marcada para às 3h da madrugada de segunda-feira, 29, em frente ao sindicato, localizado na rua da República, n°3141, centro, próximo a Barbarela.
Com esta movimentação a Famasul pretende levantar o maior número de pessoas para que a presidenta Dilma Rousseff veja que este ato desenfreado, por parte da FUNAI, trará consequências irreversíveis à sociedade, como os constantes conflitos, invasões e mortes,  cada vez mais frequentes no Estado.
Para participar do “Demarca Não” basta deixar, com antecedência, o nome e alguns dados no Sindicato Rural de Amambai ou ligar para o número (67) 3481-1093 e confirmar  presença.  O  ato será realizado em Campo Grande, às 9h em frente ao JockeI Clube,  avenida  Delegado Alfredo Hardman, s/n (entre as ruas  Medrado e  Ana Jacinta de Oliveira).
POSTADO POR MARY DE OLIVEIRA
DATA 27/04/2013