LANÇAMENTO DA OPERAÇÃO FRONTEIRA INTEGRADA

Departamento de Polícia Rodoviária Federal / MJ
Superintendência Regional de Mato Grosso do Sul

LANÇAMENTO DA OPERAÇÃO FRONTEIRA INTEGRADA



Ás 10h desta sexta (19), na Delegacia de Polícia Federal de Naviraí, reuniram-se as principais lideranças do GGIFRON, (Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira), sendo destaque a presença das seguintes autoridades: Secretário de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, Superintendente da PF, Edgar Marcon, Superintendente da PRF , Ciro Ferreira, Delegado da Receita Federal de Campo Grande, Flávio de Barros,

Na ocasião foi assinado o planejamento da Operação Fronteira Integrada compostas pelas mencionadas forças, tendo sido lido pelo Dr. Edgar Marcon com o seguinte conteúdo:   

“Nesta data as autoridades acima reunidas deflagram a partir de hoje a Operação Fronteira Integrada com o objetivo de reforçar o combate aos crimes transnacionais especialmente o contrabando de cigarros, o descaminho e o tráfico de drogas.

Nos últimos doze meses, as diversas ações policiais e fiscais preventivas e repressivas desenvolvidas no âmbito da Operação Sentinela e no interesse do GGIFRON, na região denominada “Conesul”, lograram diversas apreensões e prisões em prejuízo de organizações criminosas especialmente no tráfico de drogas e contrabando de cigarros.

Na tentativa de intimidar as instituições atuantes na região, foram realizados dois ataques covardes contra policiais

No dia 24 de abril de 2013, Policiais Federais da Delegacia PF de Naviraí foram vítimas de atentando por meio de disparos efetuados com arma de fogo por indivíduos supostamente paraguaios, que escoltavam uma van com mercadorias estrangeirais, do lado brasileiro da linha internacional no município de Japorã/MS.

No dia 11 de julho de 2013, enquanto PRFs apresentavam uma apreensão de 3 carretas de cigarro na Delegacia da PF em Naviraí, tiveram seus veículos particulares incendiados no Posto da mencionada cidade.

Logo após o primeiro atentando, ação conjunta das Delegacias de PF de Naviraí, Dourados e Ponta Porã, com reforço de Policiais Federais mobilizados por meio da Op. Sentinela, interditou pontos estratégicos estrangulando as rotas de escoamento dos carregamentos de cigarro da região.

Em seguida instalou-se a Op. Ágata que manteve represada no Paraguai dezenas de carretas carregadas com todo tipo de ilícito, especialmente cigarro.

Imediatamente após, instalou-se a Operação “ConeSul” desenvolvida pela PF de Naviraí. Com o encerramento da operação, as organizações criminosas fizeram a primeira tentativa frustrada de movimentar carregamentos de cigarros contrabandeados, com a imediata apreensão de 11 carretas em ações da PRF, PF e DOF culminando no segundo atentado mencionado.

Ademais, no mesmo período, houve diversas apreensões de grandes quantidades de maconha na região de Coronel Sapucaia, Amambai e Aral Moreira e ainda, na Região norte do MS, em razão da recente safra de droga no Paraguai.


A Operação Fronteira Integrada visa atuar de forma coordenada, desenvolvendo ações conjuntas e complementares, preventivas e repressivas com o objetivo de reforçar o combate aos crimes transnacionais em toda linha de fronteira do MS, como respostas das instituições de segurança à tentativa de intimidação de policiais e fiscais que atuam na fronteira do MS”

Falas das autoridades:

No entendimento do Superintendente da PF, Edgar Marcon “Esta ação integrada visa combater os criminosos que sistematicamente vem afrontando os órgãos que defendem a lei, a pátria e a sociedade como um todo”

Para o Superintendente da PRF, Ciro Ferreira, “No Estado Democrático de Direito, as instituições republicanas não podem ser afrontadas e haver impunidade nos atos deste gênero pois, afetam, não somente às instituições envolvidas, mas também toda a sociedade de forma indireta.”

Para o Delegado da Receita Federal “A afronta a um dos órgãos de fiscalização atinge a todos os demais , devendo o Estado dar uma pronta resposta a esse tipo de ação criminosa e sem data para acabar
POSTADO POR GRUPO ENTRE FRONTEIRAS
FOTOS P.R.F

Naviraí/MS, 19 de julho de 2013