O Guardião das Fronteiras usado pela Polícia Federal

 O Guardião das Fronteiras usado pela Polícia Federal
O Veículo Aéreo Não Tripulado, conhecido como VANT, é uma ferramenta de alta inteligência utilizada pela Polícia Federal no combate ao crime organizado, especialmente na região de fronteira. 

O VANT voa sem tripulação a bordo, sendo controlado à distância. As características especiais da aeronave permitem que ela voe 37 horas ininterruptas e possa ser operada a uma distância de até 250 quilômetros das estações de controle em terra.

Equipado com câmeras diurna e noturna, ele pode fotografar e filmar pessoas ou objetos no solo, de uma altura que pode chegar a 30 mil pés (10 km), sem perder a nitidez.

Por ser equipado com radar do tipo SAR, tem capacidade de obter imagens similares a fotos aéreas, com altíssima resolução, além de detectar movimentos no solo, entre outras funções.

A tríplice fronteira (Brasil/Argentina/Paraguai) foi definida como prioridade para a instalação e operação dos primeiros VANTs, região onde já ocorre reforço de recursos humanos e materiais visando ao enfrentamento da criminalidade organizada. 

Isso não impede que as aeronaves atuem em outras áreas do território, como na recente operação que prendeu um dos criminosos mais procurados do País no Complexo de Favelas da Maré, na cidade do Rio de Janeiro.

A Polícia Federal brasileira é a primeira força policial do mundo a utilizar esse tipo de equipamento para o emprego em atividades voltadas à segurança pública. A partir de agora, a fiscalização de todo o território nacional será feita de maneira ainda mais eficiente e segura.


DATA 23/04/2014 RIO DE JANEÍRO RJ