Comisaria Cuarta da Polícia Nacional Prende Integrante do PCC

COMISARIA  CUARTA  DA
POLÍCIA  NACIONAL  
PRENDE  INTEGRANTE  
DO  PCC  EM  
CAPITÁN  BADO

A Comisaria Cuarta da Polícia Nacional de Capitán Bado, Departamento de Amambay/Paraguay,  município fronteiriço a Coronel Sapucaia, Estado de Mato Grosso do Sul/Brasil, afirma ter prendido um membro do PCC (Primeiro Comando da Capital).

A princípio, o detido foi identificado como Blas Roberto Rolon, de 51 anos de idade. "O suspeito possui várias tatuagens em diferentes partes do corpo. E que estas são marcas típica dos membros do grupo criminoso temido!”, disse o Comissário de Capitán Bado, Ramon Lopez Balbuena.

Com o detido foram apreendidos dois aparelhos celulares, R$ 410,00 (reais) e G$ 5.000,00 (guaranis). Após a detenção, os policiais desconfiaram da autenticidade da documentação apresentada pelo suspeito.

Uma investigação completa foi iniciada, e para isso, a presença do Chefe da Polícia Civil de Coronel Sapucaia, o Delegado Roberto Faria, município brasileiro que faz fronteira com Capitán Bado foi solicitada. Depois de tomar impressões digitais e fotografias do suspeito, confirmaram que o detido havia usado vários documentos falsos.

Verificou-se que o nome usado, Blas Roberto Rolon, pertence a um advogado que vive na capital, Asunción/PY.

Os policiais entraram em contato com o real Blas Roberto Rolon e, após a averiguação preliminar, verificou-se então que o infrator estava usando dados da pessoa, como o seu nome e de seus pais em uma documentação brasileira falsa.

O Diretor da Segunda Zona de Polícia, Comissário Rufino Gill disse que o Chefe de Policia Enrique Isasi, coordenará os agentes da Comisaria Cuarta de Capitán Bado, onde iniciarão investigação para localizar brasileiros que são membros do PCC em todo o norte do país.

Neste sábado (6), a polícia brasileira de investigação identificou o detido como sendo Rodrigo Duarte Silva, também conhecido pelo pseudônimo de "Irmão Bola / Coringa", como afirmou em documentos divulgados pela Polícia Civil de Minas Gerais.

Já na manhã deste domingo (7), o detido fora transferido de Capitán Bado para Pedro Juan Caballero, Departamento de Amambay/PY, onde permanece até o exato momento. Onde a Polícia Federal do Brasil, já solicitou a Polícia Paraguaya que seja feita a extradição do mesmo.

O Grupo Entre Fronteiras entrou em contato com a Polícia Nacional Paraguaya, solicitando para fosse feita uma entrevista com o Rodrigo Duarte Silva, vulgo "Irmão Bola / Coringa", para que ele se pronunciasse através de uma entrevista. Sendo prontamente atendido o pedido a polícia, liberando a entrada, mas Rodrigo recusou-se a dar a entrevista para nossa reportagem.

Já em Capitán Bado, o mesmo possuía residência fixa; se encontrava amasiado com uma mulher de nacionalidade paraguaia, onde recentemente, deu a luz a uma criança.

Demais informações sobre este caso, estaremos em tempo, publicando no site Entre Fronteiras.
Capitán Bado/PY, 8 de junho de 2015