Operação Corpus Christi

Operação Corpus Christi
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) lançou na quarta-feira feira (14) a Operação Corpus Christi com foco nas fiscalizações para redução da violência no trânsito. Infrações graves como excesso de velocidade, embriaguez ao volante, ultrapassagens irregulares e infrações que comprometem a segurança terão maior atenção dos policiais.
Com reforço no efetivo, a operação terminará apenas à 23h59 deste domingo (18).
O reforço na fiscalização foi priorizado nos trechos com maiores índices de acidentes e crimes, de acordo com estatísticas do órgão, em cada região do Estado.
No final do feriado a Polícia Rodoviária Federal espera um aumento no fluxo de veículos, por isso reitera a necessidade do motorista ter atenção redobrada nos deslocamentos.
A falta de atenção tem sido a maior causa de acidentes, onde excesso de velocidade, consumo de álcool e ultrapassagens proibidas podem potencializar acidentes graves, principalmente onde há maior concentração de veículos, como em perímetros urbanos.
A Polícia Rodoviária Federal chama a atenção para que o motorista não exceda a velocidade permitida e não viaje em caso de ter consumido bebida alcoólica.
O reforço da fiscalização já registrou inúmeras infrações graves nas rodovias federais do Mato Grosso do Sul.
Ações de Educação para o Trânsito estão sendo desenvolvidas junto com as fiscalizações para minimizar acidentes nos mais de 3600 quilômetros de rodovias federais no MS.
*_Balanço Final da Operação será divulgado na segunda-feira, após o término da Operação

Imagens de excesso de velocidade

Operação Corpus Christi - BR 262 KM 476, *somente em Anastácio*  em 2h30min de fiscalização foram flagrados 63 veículos acima da velocidade máxima permitida que é de 80km/h para veículos pesados e leves 100.