PRF apreende veículo por falta de banco traseiro e no dia seguinte foi registrado como apropriação indébita

 A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na tarde deste domingo, 24 de março, um utilitário que estava sem o banco traseiro e no dia seguinte o veículo foi registrado como sendo apropriação indébita.
 Durante fiscalização, no km 323 da BR-163, em Rio Brilhante/MS, os agentes abordaram um Ford/Ecosport, que apresentava placas de Belo Horizonte/MG.
 Como não havia registro de roubo/furto envolvendo o veículo até então, o motorista foi liberado e o utilitário ficou retido por uma infração administrativa, já que ele estava sem o banco traseiro.
 Na manhã desta segunda-feira, 25 de março, foi registrado um Boletim de Ocorrência de roubo/furto envolvendo o Ford/Ecosport, na cidade de Mariana/SP.
 O condutor, de 20 anos, retornou à Unidade Operacional da PRF para regularizar a infração que retinha o veículo e disse desconhecer a origem ilícita do automóvel. Ele disse também que pegou o carro emprestado com o chefe dele, em Ponta Porã/MS, e deveria ir até Nova Alvorada do Sul/MS levando “muamba”.
 O condutor e o veículo foram encaminhados à Polícia Civil em Rio Brilhante/MS.